For the Holiday

Para celebrar o feriado que muitos esperam ansiosamente todos os anos, o Natal, indico alguns filmes que farão você se emocionar, se alegrar, se amedrontar e até acreditar em Papai Noel novamente para a época mais bonita do ano.

– Milagre na Rua 34 (Miracle on the 34th Street): com James Remar, Elizabeth Perkins, J.T. Walsh. Dirigido por Les Mayfield.

Sinopse: em plena época do Natal, Suzan, uma garotinha muito inteligente e esperta, afirma que Papai Noel não existe. Porém, um senhor muito bondoso é contratado para trabalhar como Papai Noel na loja de brinquedos em que sua mãe trabalha. Porém, o que ninguém podia esperar é que o velhinho afirma ser o verdadeiro Papai Noel que está ali justamente para provar para a garotinha e para muitas pessoas que ele é real.

Feliz Natal (Joyeux Noël): com Diane Kruger, Gary Lewis, Guillaume Cainet. Dirigido por Christian Carion.

Sinopse: Natal de 1914, em plena 1ª Guerra Mundial. A neve e presentes da família e do exército ocupam as trincheiras francesas, escocesas e alemãs, envolvidas no conflito. Durante a noite os soldados saem de suas trincheiras e deixam seus rifles de lado, para apertar as mãos do inimigo e confraternizar o Natal. É o suficiente para mudar a vida de um padre anglicano, um tenente francês, um grande tenor alemão e sua companheira.

A Felicidade Não Se Compra (It’s a Wonderful Life): com James Stewart, Donna Reed, Lionel Barrymore e Thomas Mitchell. Dirigido por Frank Capra.

Sinopse: em Bedford Falls, no Natal, George Bailey (James Stewart), que sempre ajudou a todos, pensa em se suicidar saltando de uma ponte, em razão das maquinações de Henry Potter (Lionel Barrymore), o homem mais rico da região. Mas tantas pessoas oram por ele que Clarence (Henry Travers), um anjo que espera há 220 anos para ganhar asas, mandado Terra, para tentar fazer George mudar de idéia, demonstrando sua importância através de flashbacks.

Me Leve Pra Casa (Nez Rouge): com Patrick Huard, Michèle-Barbara Pelletier e Pierre Labeau.

Sinopse: Felix é um crítico arrogante que fez uma crítica terrível a um roteiro de Celine, chegando a sugerir que ela desistisse de escrever. Quando Felix é condenado a trabalhar num serviço social que recolhe pessoas bêbadas nas ruas e as leva para casa, Celine usa essa oportunidade para se vingar, já que ele não se lembra dela. Só que o tempo faz Celine perceber que Felix não é tão mau quanto ela pensava e que talvez até valha a pena se deixar levar por um sentimento mais profundo. Quando tudo parece se acalmando, surge uma terceira pessoa que faz Celine acreditar que ela se enganou de novo e que talvez seja ela o alvo de uma vingança.

– Esqueceram de Mim (Home Alone): com Macauley Calkin, Joe Pesci e Daniel Stern. Dirigido por Chris Columbus.

Sinopse: em Chicago, uma família inteira planeja passar o Natal em Paris. Porém, em meio às confusões de viagem um dos filhos (Macaulay Culkin), com apenas 8 anos, é esquecido em casa. Assim, o garoto se vê obrigado a se virar sozinho e a defender a casa de dois ladrões.

O Estranho Mundo de Jack (The Nightmare Before Christmas): com Chris Sarandon, Catherine O’Hara e William Hickey. Dirigido por Henry Selick.

Sinopse: Jack Skellington (Chris Sarandon) é um ser fantástico que vive na Cidade do Halloween, um local cercado por criaturas fantásticas. Lá todos passam o ano organizando o Halloween do ano seguinte mas, após mais um Halloween, Jack se mostra cansado de fazer aquilo todos os anos. Assim ele deixa os limites da Cidade do Halloween e vagueia pela floresta. Por acaso acha alguns portais, sendo que cada um leva até um tipo festividade. Jack acaba atravessando o portal do Natal, onde vê demonstrações do espírito natalino. Ao retornar para a Cidade do Halloween, sem ter compreendido o que viu, ele começa a convencer os cidadãos a sequestrarem o Papai Noel (Edward Ivory) e fazerem seu próprio Natal.

O Amor Não Tira Férias (The Holiday): com Jack Black, Cameron Diaz, Jude Law e Kate Winslet. Dirigido por Nacy Meyers.

Sinopse: Iris Simpkins (Kate Winslet) escreve uma coluna sobre casamento bastante conhecida no Daily Telegraph, de Londres. Ela está apaixonada por Jasper (Rufus Sewell), mas logo descobre que ele está prestes a se casar com outra. Bem longe dali, em Los Angeles, está Amanda Woods (Cameron Diaz), dona de uma próspera agência de publicidade especializada na produção de trailers de filmes. Após descobrir que seu namorado Ethan (Edward Burns) não tem sido fiel, Amanda encontra na internet um site especializado em intercâmbio de casas. Ela e Iris entram em contato e combinam a troca de suas casas, com Iris indo para a luxuosa casa de Amanda e esta indo para a cabana no interior da Inglaterra de Iris. Logo a mudança trará reflexos na vida amorosa de ambas, com Iris conhecendo Miles (Jack Black), um compositor de cinema que trabalha com Ethan, e Amanda se envolvendo com Graham (Jude Law), irmão de Iris.

Os Fantasmas de Scrooge (A Christmas Carol): com Jim Carrey, Gary Olman e Colin Firth. Dirigido por Robert Zemeckis.

Sinopse: o Natal se aproxima e, como sempre, Ebenezer Scrooge (Jim Carrey) mantém seu desprezo pela data. Milionário e muito mesquinho, ele só pensa em dinheiro e não dá espaço para a emoção em seu coração, maltratando Bob Cratchit (Gary Oldman), seu fiel assistente, e ignorando seu sobrinho Fred (Colin Firth). Com a morte de seu sócio, Ebenezer recebe a visita de três fantasmas do Natal: do passado, do presente e do futuro. Cada um deles, levará o velho ranzinza para uma viagem que o ajudará a refletir melhor sobre sua vida passada e a escolha que fará para o futuro.

O Expresso Polar (The Polar Express): com Tom Hanks (em quase todos os papéis do filme) e Daryl Sabara. Dirigido por Robert Zemeckis.

Sinopse: é véspera de Natal e um garoto (Tom Hanks) está acordado. Sem acreditar mais em Papai Noel, ele espera por algo que faça com que sua crença na figura natalina retorne. De repente ele ouve um grande barulho, indo para fora de sua casa. O garoto então vê à sua frente um gigantesco trem negro com destino ao Pólo Norte, cujo condutor (Tom Hanks) o convida para embarcar.

Tudo em Família (The Family Stone): com Diane Keaton, Rachel McAdams e Luke Wilson. Dirigido por Thomas Bezucha.

Sinopse: Meredith Morton (Sarah Jessica Parker) é uma elegante executiva nova-iorquina, acostumada a enfrentar desafios. Entretanto o pior de todos está por vir, quando aceita o convite para passar o Natal junto à família do seu namorado, Everett Stone (Dermot Mulroney). Com hábitos muito diferentes dos seus, a família de Everett não causa nenhuma simpatia em Meredith.

Simplesmente Amor (Love Actually): com Hugh Grant, Colin Firth, Liam Neeson, Keira Knightley e Bill Nigh. Dirigido por Richard Curtis.

Sinopse: o novo Primeiro-Ministro da Inglaterra (Hugh Grant) se apaixona por uma de suas funcionárias, Natalie (Martine McCutcheon). Numa tentativa de curar seu coração, um escritor (Colin Firth) parte para o sul da França e lá acaba se apaixonando. Karen (Emma Thompson) desconfia que Harry (Alan Rickman), seu marido, a está traindo. Juliet (Keira Knightley), que se casou recentemente, desconfia dos olhares e intenções de Mark (Andrew Lincoln), o melhor amigo de seu marido. Sam (Thomas Sangster) tem por objetivo chamar a atenção da garota mais difícil da escola. Sarah (Laura Linney) enfim tem a grande chance de sair com Karl (Rodrigo Santoro), por quem mantém uma paixão silenciosa. Billy Mack (Bill Nighy) busca retomar sua carreira como astro do rock. A vida de todos estes personagens se entrelaçam e são modificadas pela presença do amor em suas vidas.

Escrito nas Estrelas (Serendipity): com John Cusack, Kate Beckinsale e Jeremy Piven. Dirigido por Peter Chelsom.

Sinopse: num apressado dia de compras no inverno de 1990, Jonathan Trager (John Cusack) conhece Sara Thomas (Kate Beckinsale). Dois estranhos no meio da massa em NY, seus caminhos se cruzam em um feriado, sendo que logo sentem entre eles uma atração mútua. Apesar do fato de ambos estarem envolvidos em outras relações, Jonathan e Sara passam a noite andando por Manhattan. Quando a noite chega ao fim, os dois são forçados a determinar algo como seu próximo passo. Quando Jonathan sugere uma troca de telefones, Sara rejeita e propõe uma idéia que dará ao destino o controle de seu futuro. Se eles tiverem que ficar juntos, ela diz a ele, eles encontrarão o caminho de volta para a vida um do outro.

– O Grinch (How The Grinch Stole Christmas): com Jim Carrey, Jeffrey Tambor e Molly Shannon. Direção de Ron Howard.

Sinopse: Um Grinch (Jim Carrey) que odeia o Natal resolve criar um plano para impedir que os habitantes da pequena cidade de Quemlândia possam comemorar a data festiva. Para tanto, na véspera do grande dia, o Grinch resolve invadir as casas das pessoas e furtivamente roubar delas tudo o que esteja relacionado ao Natal. Clássico conto do Dr. Seuss.

Gremlins (Gremlins): com Hoyt Axton, Corey Feldman e Don Steele. Dirigido por Joe Dante.

Sinopse: Rand Peltzer (Hoyt Axton) é um “inventor” que, ao tentar dar um presente natalino único para seu filho, Billy Peltzer (Zach Galligan), compra em Chinatown um Mogwai, um ser aparentemente gracioso. Mas o dono, um velho chinês, não queria vendê-lo por dinheiro nenhum, pois ter um Mogwai envolve muitas responsabilidades. Entretanto, o neto do ancião o vende por duzentos dólares e diz as regras essências para ter um Mogwai: nunca colocá-lo diante de uma luz forte e muito menos na luz solar, que pode matá-lo; nunca molhá-lo e, a regra principal, nunca o alimente após a meia-noite, mesmo que ele chore ou implore. Rand ouve o aviso sem dar a devida importância e leva o Mogwai para sua casa em Kingston Falls, uma pequena cidade. Paralelamente, Billy trabalha como caixa de banco e sofre com as exigências de Ruby Deagle (Polly Holiday), uma cliente igualmente rica e antipática. Além disto tem de aturar o pedante Gerald (Judge Reinhold), que quer usar sua posição para conquistar Kate Beringer (Phoebe Cates), a namorada de Billy. Quando Billy recebe o presente fica maravilhado, mas as regras não são respeitadas. Assim, quando é molhado o Mogwai se multiplica assustadoramente e, alimentados após a meia-noite, se tornam criaturas más, que aterrorizam a cidade.

Apesar de ser feriado, de sábado para domingo a crítica de “72 Horas” deve estar publicada no blog. Créditos as sinopses ao site Adoro Cinema.

Agora que a lista terminou (espero que agrade a todos, afinal ela está bem eclética) darei os votos clichês de fim de ano para todos meus leitores. Feliz Natal e Feliz Ano Novo, que todos seus sonhos se realizem em 2011.

Boas Festas e Bons Filmes ;)

Anúncios

For the Holiday

Com um feriado de terror e muita chuva :'(, indico filmes de arrepiar até os cílios de seus olhos.

A Bruxa de Blair (The Blair Witch Project): com Heather Donahue , Michael C. Williams e Joshua Leonard. Dirigido por Daniel Myrick e Eduardo Sánchez.

Sinopse: três estudantes de cinema embrenham-se nas matas do estado de Maryland para fazer um documentário sobre a lenda da bruxa de Blair e desaparecem misteriosamente. Um ano depois, uma sacola cheia de rolos de filmes e fitas de vídeo encontrada na mata. As imagens registradas pelo trio dão algumas pistas sobre seu macabro destino.

Tubarão (Jaws): com Roy Scheider , Robert Shaw e Richard Dreyfuss. Dirigido por Steven Spielberg.

Sinopse: um terrível ataque a banhistas é o sinal de que a praia da pequena cidade de Amity virou refeitório de um gigantesco tubarão branco, que começa a se alimentar dos turistas. Embora o prefeito queira esconder os fatos da mídia, o xerife local (Roy Scheider) pede ajuda a um ictiologista (Richard Dreyfuss) e a um pescador veterano (Robert Shaw) para caçar o animal. Mas a missão vai ser mais complicada do que eles imaginavam.

Piranha (1978) (Piranha – 1978): com Bradford Dillman, Heather Menzies e Kevin McCarthy. Dirigido por Joe Dante.

Sinopse: Maggie McKeown (Heather Menzies) é uma investigadora contratada para descobrir o paradeiro de Barbara Randolph (Janie Squire), que desapareceu junto com David (Roger Richman). Ela viaja pelos locais em que os dois estiveram até chegar na casa de Paul Grogan (Bradford Dillman), que vive em um acampamento de verão junto com sua filha Suzie (Shannon Collins). Incentivado por Maggie, Paul passa a investigar um complexo militar existente ao lado do local. Lá eles descobrem um laboratório onde estão diversos animais bizarros, perto de uma lagoa artificial. Ao escoar a água do local eles encontram os esqueletos de Barbara e David. É quando conhecem o dr. Robert Hoak (Kevin McCarthy), que revela que o local abrigava piranhas mutantes, criadas para serem usadas como arma na Guerra do Vietnã. Agora soltas, elas começam a fazer seguidas vítimas.

–  Brinquedo Assassino (Child’s Play): com Catherine Hicks, Chris Sarandon, Alex Vincent e Brad Dourif. Dirigido por Tom Holland.

Sinopse: um serial killer é morto em um tiroteio com a polícia, mas antes de morrer utiliza seus conhecimentos de vodu e transfere sua alma para um boneco. Um menino ganha exatamente este brinquedo como presente da sua mãe. O menino tenta alertar que o boneco está vivo, mas sua mãe e um detetive da polícia só acreditam nele após o brinquedo ter feito várias vítimas. Mas o boneco está realmente interessado é no garoto, pois só no corpo dele poderá continuar vivo, e isto coloca a criança em grande perigo.

A Hora do Pesadelo (1984 e 2010) (A Nightmare on Elm Street – 1984 & 2010): com John Saxon, Ronee Blakley, Heather Langenkamp e Amanda Wyss(1984). Com Jackie Earle Haley, Rooney Mara e Kyle Gallner(2010). Dirigido respectivamente, por Wes Craven e Samuel Bayer.

Sinopse: um grupo de adolescentes tem pesadelos horríveis, onde são atacados por um homem deformado com garras de aço. Ele apenas aparece durante o sono e, para escapar, é preciso acordar. Os crimes vão ocorrendo seguidamente, até que se descobre que o ser misterioso é na verdade Freddy Krueger (Robert Englund), um homem que molestou crianças na rua Elm e que foi queimado vivo pela vizinhança. Agora Krueger pode retornar para se vingar daqueles que o mataram, através do sono.

It: Uma Obra-Prima do Medo (It): com Harry Anderson, Dennis Christopher, Richard Masur e Annette O’Toole. Dirigido por Tommy Lee Wallace.

Sinopse: Derry, no Maine, é uma pacata cidade que foi aterrorizada 30 anos atrás por um ser conhecido como “A Coisa”. Suas vítimas eram crianças, sendo que se apresentava na maioria das vezes como o palhaço Pennywise. Com esta forma ele reaparece, 30 anos depois. Quem sente sua presença é Michael Hanlon (Tim Reid), um bibliotecário e único de um grupo de sete amigos que continuou morando em Derry. Assim ele liga para Richard Tozier (Harry Anderson), Eddie Kaspbrak (Dennis Christopher), Stanley Uris (Richard Masur), Beverly Marsh Rogan (Annette O’Toole), Ben Hanscom (John Ritter) e William Denbrough (Richard Thomas), pois todos os sete quando jovens viram “A Coisa” e juraram combatê-la caso surgisse outra vez. Porém este juramento pode custar suas vidas.

DESTAQUES:

– Poltergeist: O Fenômeno (Poltergeist): com Craig T. Nelson, JoBeth Williams, Beatrice Straight, Dominique Dunne e Oliver Robins. Dirigido por Steven Spielberg e Tobe Hooper.

Sinopse: família visitada por fantasmas em sua casa, que inicialmente se manifestam apenas movendo objetos pela casa mas gradativamente vão aterrorizando a família cada vez mais, chegando a “seqüestrar” a caçula, levando-a para outra dimensão através do tubo de imagem do televisor. Os pais se desesperam e uma especialista em fenômenos paranormais sugere que eles devam ser ajudados por uma mulher com poderes mediúnicos.

O Exorcista (The Exorcist): com Linda Blair e Ellen Burstyn. Dirigido por William Friedkin.

Sinopse: em Georgetown, Washington, uma atriz vai gradativamente tomando consciência que a sua filha de doze anos está tendo um comportamento completamente assustador. Deste modo, ela pede ajuda a um padre, que é também um psiquiatra, e este chega a conclusão de que a garota está possuída pelo demônio. Ele solicita então a ajuda de um segundo sacerdote, especialista em exorcismo, para tentar livrar a menina desta terrível possessão.

Créditos às sinopses ao site Adoro Cinema. Bom terror a todos :-)

OBS.: Já havia indicado “O Exorcista” antes, mas como o filme é uma obra-prima é bom indicar duas vezes. Para checar os outros filmes que indiquei no meu primeiro For The Weekend clique aqui.

Aviso que alguns filmes podem ser bem impressionantes. Tentem dormir em paz depois de assistirem a um deles (coisa que eu acho difícil). Durmam bem hauahuhauahau.

 

For the Holiday

Peço desculpas pela demora por outro For the Weekend. Aconteceu que o mês que passou foi muito agitado para mim, contando com diversas provas.

Bom, agora que tudo está mais calmo, eu escrevo outro post para vocês dando algumas dicas de várias animações para seus filhos, sobrinhos, primos e netos, inclusive para pessoas mais jovens e adultas, curtirem o feriado de 12 de outubro, afinal, ser criança não tem idade.

–  A Bela e a Fera (Beuty and the Beast, 1991): com Robby Benson, Paige O’ Hara e Jerry Orbach. Dirigido por Gary Trousdale e Kirk Wise.

Sinopse: no início desta fábula clássica, uma feiticeira transforma um príncipe cruel em uma fera horrenda. Para quebrar o feitiço, a fera precisa conquistar o amor da linda e inteligente Bela, antes que caia a última pétala de uma rosa encantada. Uma obra-prima do cinema moderno, A Bela e a Fera, da Disney, conquistou seis indicações ao Oscar, incluindo a de Melhor Filme – um feito inédito para um filme de animação – vencendo dois Oscar: Melhor Canção e Melhor Trilha Instrumental. Com sua incomparável combinação de magia, música, uma narrativa genial, animação deslumbrante e personagens populares, A Bela e a Fera irá encantar jovens e adultos, relembrando a todos que a verdadeira beleza está dentro de nós.

–  Toy Story (1995): com Tom Hanks e Tim Allen. Dirigido por John Lasseter.

Sinopse: Andy é um menino afortunado de brinquedos. Seu aniversário está próximo e, com isso, ele deve ganhar mais alguns para sua coleção. Porém, os brinquedos mais antigos têm medo de que sejam trocados por alguma invenção tecnológica de última geração, perdendo a preferência do jovem. É quando chega ao quarto Buzz Lightyear, um boneco de última geração sensação do momento, que entra em conflito direto com Woody, um cowboy e boneco preferido de Andy.

–  O Rei Leão (The Lion King, 1994): com Matthew Broderick, James Earl Jones e Jeremy Irons. Dirigido por Roger Allers e Rob Minkoff.

Sinopse: Mufasa (James Earl Jones), o Rei Leão, e a rainha Sarabi (Madge Sinclair) apresentam ao reino o herdeiro do trono, Simba (Matthew Broderick). O recém-nascido recebe a bênção do sábio babuíno Rafiki (Robert Guillaume), mas ao crescer é envolvido nas artimanhas de seu tio Scar (Jeremy Irons), o invejoso e maquiavélico irmão de Mufasa, que planeja livrar-se do sobrinho e herdar o trono.

–  101 Dálmatas (101 Dalmatians, 1961): com Rod Taylor e Ben Wright. Dirigido por Clyde Geronimi e Hamilton Luske.

Sinopse: Cruella, uma malvada e excêntrica estilista e fanática pela pele de cachorros da raça dálmata, resolve sequestrar os filhotes de Pongo e Pedrita, um casaldessa raça que teve 15 filhotinhos. Agora Perdita e Pongo saem desesperados e recorrem aos outros animais para ajudá-los a encontrar seus filhotes.

Lilo & Stich (2002): com Daveigh Chase e Chris Sanders. Dirigido por Dean DeBlois e Chris Sanders.

Sinopse: Lilo (Daveigh Chase) é uma pequena garota havaiana de 5 anos que adora cuidar de animais menos favorecidos e vive com sua irmã Nani (Tia Carrere). Lilo tem o costume de coletar lixo reciclável nas praias para, com o dinheiro recebido, comprar comida para peixes e nadar até o alto-mar para alimentá-los. Até que, num belo dia, ela encontra um cachorro e decide adotá-lo. Entretanto, este cachorro na verdade é Stitch (Chris Sanders), um ser alienígena que é um dos criminosos mais perigosos da galáxia. Stitch foi preso em um planeta distante pela polícia interplanetária, mas ao ser encaminhado para um planeta-prisão consegue escapar, caindo acidentalmente na Terra. Agora, para escapar da polícia que ainda o persegue, Stitch esconde quatro de suas seis pernas e decide se fazer passar por um cachorro comum, desenvolvendo com o tempo um laço de amizade com Lilo.

–  Fantasia ( Fantasia, 1940): com Deems Taylor. Dirigido por James Algar e Samuel Armstrong.

Sinopse: inicialmente Walt Disney planejava apenas produzir “O Aprendiz de Feiticeiro”, como curta-metragem isolado. Entretanto, os custos para a produção do curta seriam tão altos que Disney aceitou o conselho dado por Leopold Stokowski para que fizesse um longa-metragem composto por diversos curtas de mesmo estilo, de forma a compensar um pouco os altos custos de sua produção.
Oito composições clássicas serviram de inpiração e suporte sonoro para os desenhos da Disney. Sua equipe de animadores criou aquilo que seria imortalizado nas palavras: “música para ser vista e pintura para ser ouvida” – uma experiência inovadora para a época. São oito composições sob a batuta do maestro Leopold Stokowski regendo a Philadelphia Orchestra: “Toccata e Fuga em Ré Menor”, de Johann Sebastian Bach; “Suíte Quebra-Nozes”, de Peter Ilich Tchaikovsky; “O Aprendiz de Feiticeiro”, de Paul Dukas; “Sagração da Primavera”, de Igor Stravinsky; “Sinfonia Pastoral”, de Ludwig Van Beethoven; “Dança das Horas”, de Almicare Ponchielli; “Noite no Monte Calvo”, de Modest Mussorgsky; e “Ave Maria”, de Franz Schubert. A música do episódio “O Aprendiz de Feiticeiro” é a única de Fantasia que não foi gravada pela Orquestra de Filadélfia.

Aladdin (Aladdin, 1992): com Scott Weinger e Robin Willians. Dirigido por: Ron Clements, John Musker.

Sinopse: após o sultão ordenar que sua filha, a princesa Jasmine, ache um marido rapidamente, ela foge do palácio. Jasmine encontra um tipo meio malandro, Aladdin, que conquista seu coração. Porém ambos são achados pelos guardas de Jafar, o vizir do sultão. Jafar criou um feitiço para dominar o sultão, se casar com Jasmine e se tornar ele mesmo o sultão. Além disto finge que cometeu um engano e mandou decapitar Aladdin, que na verdade está vivo, pois Jafar precisa dele para conseguir uma lâmpada mágica, que é a morada de um poderoso gênio. Mas o plano de Jafar falha, pois Aladdin fica com a lâmpada graças a intervenção de um pequeno macaco, Abu, seu fiel mascote. Quando descobre que há na lâmpada um gênio poderoso, que pode se transformar em qualquer pessoa ou coisa e que lhe concederá três desejos, Aladdin planeja usá-los para conquistar Jasmine, sem imaginar que Jafar é um diabólico inimigo, que precisa ser detido.

Tarzan (Tarzan, 1999): com Tony Goldwyn e Minnie Driver. Digido por Chris Buck e Kevin Lima.

Sinopse: Um jovem órfão é criado na selva por gorilas. Porém, quando um grupo de pesquisadores chega ao local onde vive, Tarzan descobre que é um ser humano e que precisa escolher entre os dois mundos. Adaptação do romance de Edgar Rice Burroughs.

O Corcunda de Notre Dame (Hunchback of Notre Dame, 1996): com Tom Hulce, Demi Moore e Kevin Kline. Dirigido por Gary Trousdal e Kirk Wise

Sinopse: em Paris, durante a Idade Média, Quasímodo (Tom Hulce), um corcunda, vive desde criança escondido na Catedral de Notre Dame. Porém, um dia, decide sair de seu esconderijo e conhecer o mundo que o cerca. Durante sua aventura conhece Esmeralda (Demi Moore), uma bela cigana por quem se apaixona. Mas, para conseguir seu amor, Quasímodo terá que enfrentar seu poderoso rival Claude Frollo (Tony Jay).

O Estranho Mundo de Jack (Nightmare Before Christmas, 1993): com Chris Sarandon e Catherine O’ Hara. Dirigido por Henry Selick.

Sinopse: Jack Skellington, dublado pelo ator Chris Sarandon, é uma famosa celebridade da cidade de Halloweentown, onde comemoram fervorozamente o dia das bruxas todo ano. Apesar de ser muito querido pelas pessoas da cidade, Jack sente que sua vida não está exatamente completa e deseja que algo mais, não sabendo exatemente o quê, aconteça. Um dia, enquanto caminha pelos bosques com seu cachorro Zero, ele encontra um círculo de árvores que nunca havia visto, cada uma com uma porta e título em seu tronco. Antes que Jack conseguisse pensar direito, ele é sugado por uma das portas e vai parar num mundo de neve, luzes e felicidade: A Cidade do Natal. Maravilhado com aquele mundo, ele retorna a Halloweentown, acreditando que isso era exatamente o que ele procurava. Ele tenta mostrar a todos os habitantes os objetos conseguido na outra cidade, mas as pessoas não parecem lhe dar muita atenção e só pensam em como devem organizar o evento de dia das bruxas. Mas Jack não desistirá de sua idéia e tentará montar um evento de natal em sua cidade, no entanto, encontrará muitos obstáculos. Sally (dublada por Catherine O’Hara), uma das cidadãs que o ama secretamente, tentará fazer de tudo para que não aconteça nada de errado com Jack, ao mesmo tempo que tenta ficar mais próxima de ser amor.

Shrek (Shrek, 2001): com Mike Myers, Eddie Murphy e Cameron Diaz. Dirigido por Andrew Adanson.

Sinopse: em um pântano distante vive Shrek (Mike Myers), um ogro solitário que vê, sem mais nem menos, sua vida ser invadida por uma série de personagens de contos de fada, como três ratos cegos, um grande e malvado lobo e ainda três porcos que não têm um lugar onde morar. Todos eles foram expulsos de seus lares pelo maligno Lorde Farquaad (John Lithgow). Determinado a recuperar a tranquilidade de antes, Shrek resolve encontrar Farquaad e com ele faz um acordo: todos os personagens poderão retornar aos seus lares se ele e seu amigo Burro (Eddie Murphy) resgatarem uma bela princesa (Cameron Diaz), que é prisioneira de um dragão. Porém, quando Shrek e o Burro enfim conseguem resgatar a princesa logo eles descobrem que seus problemas estão apenas começando

A Era do Gelo (Ice Age, 2002): com Ray Romano, John Leguizamo e Denis Leary. Dirigido por Chris Wedge e Carlos Saldanha.

Sinopse: a história acontece na Era Glacial. Manfred “Manny” é um mamute mal-humorado e teimoso que odeia a vida em sociedade e se esforça para fazer tudo do seu modo. Sid é uma preguiça folgada que foi abandonada por seu bando. Diego é um tigre dente-de-sabre astuto que foi enviado por seu chefe a uma complicada missão. Os destinos desses três animais tão diferentes são unidos por um bebê humano. Com o objetivo de levar a criança até seu pai, o grupo inicia uma longa jornada rumo ao norte, uma das regiões mais frias do globo naquela época. O problema é nem todos têm o mesmo objetivo, fato que pode tornar as coisas ainda mais difíceis.

A Viagem de Chihiro (Spirited Away, 2001): com Rumi Hiragi, Miyu Irino e Mari Natsuki. Dirigido por Hayao Miyazaki.

Sinopse: o filme vencedor do Festival de Berlim e do Oscar de Melhor Animação conta a história de Chihiro, uma mimada garota de 10 anos. Após saber através de seus pais que estarão mudando para uma nova cidade ela fica furiosa, sem fazer nenhum esforço para esconder sua raiva. Em meio a lembranças de seus amigos que terá que deixar, Chihiro percebe que seu pai se perdeu no caminho para a nova cidade onde irão morar, indo parar defronte um túnel aparentemente sem fim que é guardado por uma estranha estátua. Curiosos, os pais de Chihiro decidem entrar no túnel. Apesar dos pedidos para voltarem ao carro, Chihiro acaba seguindo junto com eles para descobrir que ele leva a um mundo aparentemente deserto, onde existe uma cidade sem nenhum habitante. Famintos, os pais de Chihiro decidem comer a comida que está disponível em uma das casas, enquanto que a própria Chihiro decide explorar um pouco a cidade. Entretanto, logo ela encontra com Haku, um garoto que lhe diz para ir embora da cidade o mais rápido possível. Ao reencontrar seus pais, Chihiro fica surpresa ao ver que eles se transformaram em gigantescos porcos, enquanto que misteriosos seres começam a surgir do nada. É o início da jornada de Chihiro em um mundo fantasma, povoado por seres fantásticos, no qual humanos não são bem-vindos.

Depois desta interminável lista de animações, acredito que todos tenham diversas opções de filme para alugar, baixar, comprar, etc. Todos esses filmes que indiquei são ótimos, só peço desculpas pelo monopólio evidente de filmes da Disney, mas fazer o que? Minha ela foi importante na minha infância e continua sendo até hoje.

Espero que todos tenham um ótimo feriado :D!

É triste saber que não se ganha mais presente em todos os feriados do ano :'(. Créditos às sinopses aos sites Cinema com Rapadura e Cineplayers.

For the Weekend

Depois de uma semana cansativa, só nos resta rir e chorar porque segunda-feira vai chegar(Poesia Fail). Portanto vamos ver algumas comédias para descontrair ainda mais o fim de semana.

–  Corra que a polícia vem aí!(The Naked Gun): com Leslie Nielsen, Priscilla Presley e George Kennedy. Dirigido por David Zucker.

Sinopse: o filme mostra a rotina do atrapalhado policial Frank Drebin(Leslie Nielsen), que deve impedir o assassinato da Rainha Elizabeth II (Jeannette Charles), planejado por Vincent Ludwig (Ricardo Moltaban), um magnata que fez lavagem cerebral em um jogador de baseball, para que ele cometa o crime. No meio de toda essa confusão, ele se apaixona por uma das integrantes do bando de Vincent (Priscilla Presley), que fica incumbida de atraí-lo a uma cilada. E eles acabam vivendo uma louca e estranha história de amor.

–  Top Gang – Ases Muito Loucos(Hot Shots): com Charlie Sheen e Kevin Dunn. Dirigido por Jim Abrahams.

Sinopse: Sean “Topper” Harley é um arrogante piloto, que vive competindo com seus companheiros, principalmente para apagar a imagem deixada por seu pai na Força Aérea _ um piloto desastrado _ e acaba se envolvendo em uma série de confusões.

– Todo Mundo em Pânico(Scary Movie): com Anna Faris, Carmen Electra e Dave Sheridan. Dirigido por Keenen Ivory Wayans.

Sinopse: das mentes dos criadores do seriado da TV americana “In living color” surge o primeiro thriller-comédia, em que adolescentes apavorados fugindo de maníacos assassinos são o pretexto para uma série de piadas envolvendo todos os recentes filme de terror, da série “Pânico” até “O sexto sentido”, passando ainda por outros grandes sucessos do cinema, como “Matrix” e “Os suspeitos”.

–  American Pie: com Jason Biggs, Chris Klein e Seann William Scott. Dirigido por Paul Weitz.

Sinopse: Às vésperas do baile de formatura, quatro amigos virgens – Jim (Jason Biggs), Kevin (Thomas Ian Nicholas), Oz (Chris Klein) e Finch (Eddie Kaye Thomas) – fazem um pacto para perder a virgindade, custe o que custar, nas 24 horas seguintes.

–  O Jovem Frankenstein(The Young Frankenstein): com Gene Wilder, Peter Boyle e Marty Feldman. Dirigido por Mel Brooks.

Sinopse: numa faculdade de Medicina nos Estados Unidos o Dr. Frederick Frankenstein (Gene Wilder) é um professor que ensina sobre o sistema nervoso central. Um estudante lhe pergunta pelas pesquisas de Victor Frankenstein, seu avô. Frankenstein afirma que o trabalho do avô é o produto de alguém insano. Repentinamente chega Falkstein (Richard Haydn), que viajou 7 mil quilômetros para entregar ao Dr. Frankenstein o testamento de seu avó, que deixou para o neto um castelo na Transilvânia. Frankenstein se despede da noiva, Elizabeth (Madeleine Kahn), e vai para Transilvânia para reivindicar a herança. Ao chegar Frankenstein é recebido por Igor (Marty Feldman), um corcunda vesgo cujo avô trabalhou para Victor Frankenstein. Acompanhados por Inga (Teri Garr), eles vão para o castelo de Frankenstein e são recebidos por Frau Blücher (Cloris Leachman), uma mulher que tem um jeito tão assustador que faz os cavalos relincharem de susto. No meio da noite Frankenstein ouve uma música estranha e, acompanhado por Inga, a segue para ver de onde ela vem. Ele encontra uma passagem secreta e, ao percorrer este desconhecido caminho, encontra Igor. Os três seguem o som, que os leva até o laboratório de Victor Frankenstein, onde ele tentou dar vida aos mortos. Em outro cômodo está a biblioteca particular de Victor e lá é encontrado um violino, de onde talvez vinha a música. Em cima da mesa está o livro “Como Consegui”, de Victor Frankenstein. Apesar de cético, Frankenstein lê todo o livro e percebe que a teoria pode funcionar. Fica então decidido que a criatura deverá ter dois metros, assim Frankenstein e Igor roubam o corpo de um condenado, que recentemente tinha sido enforcado. Frankenstein ordena que Igor roube o cérebro de Hans Delbruck, que era um cientista e santo, mas Igor se assusta com sua imagem num espelho e derruba o cérebro de Hans, destruindo a massa cinzenta. Igor substitui o cérebro danificado por outro, que estava rotulado como anormal. Desconhecendo o sucedido, Frankenstein fica imaginando o cérebro de Delbruck na sua criatura.

Crédito às sinopse aos site adoro cinema e cineplayers. Espero que todos tenham um bom fim de semana.


For the Weekend

Para celebrar esse feriado que custou a chegar, para mim pelo menos, indicarei uns clássicos e modernos da ficção cientifica.

Alien, o 8º passageiro( Alien): com Sigourney Weaver e John Hurt. Dirigido por Ridley Scott.

Sinopse: uma nave espacial, ao retornar para Terra, recebe estranhos sinais vindos de um asteróide. Ao investigarem o local, um dos tripulantes é atacado por um estranho ser. O que parecia ser um ataque isolado se transforma em um terror constante, pois o tripulante atacado levou para dentro da nave o embrião de um alienígena, que não para de crescer e tem como meta matar toda a tripulação.

A Mosca( The Fly): com Genna Davis e Jonh Getz. Dirigido por David Cronenberg.

Sinopse: cientista (Jeff Goldblum) testa maquina de teletransporte de matéria e inadvertidamente permite que uma mosca entre na câmara junto com ele. Quando se dá a reintegração, os resultados são terríveis

Independence Day: com Will Smith, Bill Pluman e Jeff Goldblum. Dirigido pelo Roland Emmemrich, famoso por seus filmes catástrofes.

Sinopse: alienígenas invadem a Terra perto do Dia da Independência dos Estados Unidos para destruir toda a sua população e absorver nossos recursos naturais. Agora um grupo de cientistas e pilotos deve pensar na melhor forma de combater esses seres, muito superiores em tecnologia.

A Experiência ( Species): com Ben Kingsley, Alfred Molina, Michael Madsen e Natasha Henstridge. Dirigido por Roger Donaldson.

Sinopse: um ser alienígena, que aparenta ser uma menina, é o resultado de um código genético desconhecido enviado do espaço e recebido por cientistas. Após o nascimento da criança e seu rápido desenvolvimento há uma ordem para matar esta “criança”, que é meio humana e meio extraterrestre, mas ela foge do laboratório onde é mantida. Porém, enquanto procuram por uma criança ela se transforma em uma atraente mulher (Natasha Henstridge), que deseja acasalar rapidamente para proliferar a sua espécie.

2001:  Uma Odisséia no Espaço (2001: A Space Odissey): com Keir Dullea, Gary Lockwood e William Sylvester. Dirigido pelo genial Stanley Kubrick.

Sinopse: desde a “Aurora do Homem” (a pré-história), um misterioso monolito negro parece emitir sinais de outra civilização interferindo no nosso planeta. Quatro milhões de anos depois, no século XXI, uma equipe de astronautas liderados pelo experiente David Bowman (Keir Dullea) e Frank Poole (Gary Lockwood) é enviada à Júpiter para investigar o enigmático monolito na nave Discovery, totalmente controlada pelo computador HAL 9000. Entretanto, no meio da viagem HAL entra em pane e tenta assumir o controle da nave, eliminando um a um os tripulantes.

Guerra dos Mundos ( War of the Worlds 1953 & 2005): respectivamente com Genne Barry e Ann Robinson; Tom Cruise e Dakota Fanning. Dirigido por Byron Haskin(1953) e Steven Spielberg(2005).

Sinopse(1953): um locutor de rádio explica como as armas de guerra ficaram mais poderosas, destrutivas e mortais durante o século XX. O locutor fala sobre como os habitantes de Marte tiveram que abandonar o mundo deles, que está morrendo, e procurar um lugar novo para viver. Em uma pequena cidade da Califórnia, Linda Rosa, os habitantes ficam excitados quando um flamejante meteoro aterriza nas colinas, fazendo Clayton Forrester (Gene Barry), um cientista, chegar ao lugar acompanhado de dois outros cientistas para investigar o acontecido. Uma pequena multidão se formou no local, que inclui Sylvia Van Buren (Ann Robinson). Constatando que o meteoro ainda está muito quente para uma aproximação, Clayton decide ficar na cidade e esperar. Três homens são mantidos de guarda no local. Logo um som estranho é ouvido, como se desparafusassem a parte de cima do meteoro. Com o topo fora emerge uma sonda longa, que se assemelha à cabeça de uma cobra. Os guardas decidem mostrar que são pacíficos e caminham para a máquina com uma bandeira branca. Com um som intenso os homens são desintegrados imediatamente, ficando claro que uma guerra está começando.

Sinopse(2005): Ray Ferrier (Tom Cruise) é um homem divorciado que trabalha nas docas. Ele não se sente à vontade no papel de pai, mas precisa cuidar de seus filhos, Robbie (Justin Chatwin) e Rachel (Dakota Fanning), quando eles lhe fazem uma de suas raras visitas. Pouco após eles chegarem Ray presencia um evento que mudará para sempre sua vida: o surgimento de uma gigantesca máquina de guerra, que emerge do chão e incinera tudo o que encontra. Trata-se do primeiro golpe de um devastador ataque alienígena à Terra, que faz com que Ray pegue seus filhos e tente protegê-los, levando-os o mais longe possível das armas extra-terrestres.

Star Wars IV: Uma Nova Esperança (Star Wars: Episode IV – A New Hope): com Mark Hammil, Harrison Ford, Carrie Fisher, Alec Guinness e James Earl Jones. Dirigido por George Lucas.

Sinopse: Luke Skywalker (Mark Hammil) sonha ir para a Academia como seus amigos, mas se vê envolvido em uma guerra intergalática quando seu tio compra dois robôs e com eles encontra uma mensagem da princesa Leia Organa (Carrie Fisher) para o jedi Obi-Wan Kenobi (Alec Guiness) sobre os planos da construção da Estrela da Morte, uma gigantesca estação espacial com capacidade para destruir um planeta. Luke então se junta aos cavaleiros jedi e a Hans Solo (Harrison Ford), um mercenário, e junto com membros da resistência tentam destruir esta terrível ameaça.

Star Trek(2009): com Chris Pine e Eric Bana. Dirigido por J.J. Abrams.

Sinopse: James Tiberious Kirk (Chris Pine) é um jovem rebelde inconformado com a morte de seu pai. Certo dia, recebe convite para fazer parte da formação de novos cadetes para a Frota Estelar. Uma vez lá conhece Spock (Zachary Quinto), um vulcano que optou por deixar seu planeta porque é metade humano e discordava do preconceito. Durante o treinamento, e também na primeira missão, os dois vivenciam novas experiências provocadas por seus estilos diametralmente opostos. Assim, Spock, o cerebral, e Kirk, o passional, viverão uma grande aventura ao lado de outros tradicionais integrantes da tripulação da U.S.S. Enterprise, a mais avançada nave espacial da época.

Bom, ai estão minhas dicas para vocês curtirem esse feriado de Independência do Brasil com várias ficções. Espero que gostem :)

Créditos às sinopses ao site adorocinema.com

For the Weekend

Eu sempre adorei assistir filmes em que a história é baseada em fatos verídicos. Eles tem um toque mais humano, mais verdadeiro, fazendo com que nós observemos que há vidas que são filmes.

Baseado nisso escolhi dois filmes desse tipo:

Decisões extremas (Extraordinary Measures): o filme que possui Brendan Fraser,  Harrison Ford e Keri Russell no elenco é baseado no livro The Cure de Geeta Anand.

Sinopse: a história é sobre John Crowley e sua mulher Aileen que possuem dois de seus três filhos com a doença de Pompe, uma doença rara e degenerativa que mata as crianças com normalmente oito ou nove anos. A família Crowley vê a esperança quando conhece o cientista Robert Stonehill.

Um sonho possível (The Blind Side): estrelando Quinton Aaron e com Sandra Bullock, que ganhou como melhor atriz no Oscar desse ano devido a esse papel, esse é um filme que mostrára seu melhor lado.

Sinopse: Um garoto negro chamado Michael Oher teve uma infância díficil e não se relaciona muito com as pessoas. Mas ele encontra uma família branca liderada pela Leigh Anne que o acolhe e o inclui como se sempre tivesse sido assim.

For the Weekend

No For the Weekend desta semana recomendarei para que vocês, meus leitores, assistam clássicos do terror para combinar com essa sexta-feira 13 de 2010(a última do ano).

–  O Iluminado(1980), com Jack Nicholson e Shelley Duvall. Dirigido pelo inesquecível Stanley Kubrick.

Sinopse: Jack Torrance (Jack Nicholson) é um homem contratado para o emprego temporário de vigia de um enorme hotel, que fecha as portas durante três meses por falta de público – período exato que um intenso inverno afeta o local. Ele leva sua mulher Wendy (Shelley Duvall) e seu filho Danny (Danny Lloyd) para lá, onde ocorreu um sangrento massacre em família alguns anos atrás. Depois de um certo tempo, Jack começa a apresentar problemas mentais devido ao isolamento… Ou estaria ele sendo dominado pelos espíritos malignos que dizem dominar o hotel? Ele começa a ficar mais agressivo e impaciente, ao mesmo tempo que seu filho tem visões e contatos com os acontecimentos ocorridos no sombrio passado daquele local.

–  O Exorcista(1973), com Linda Blair e Ellen Burstyn. Dirigido por William Friedkin.

Sinopse: Em Georgetown, Washington, uma atriz vai gradativamente tomando consciência que a sua filha de doze anos está tendo um comportamento completamente assustador. Deste modo, ela pede ajuda a um padre, que é também um psiquiatra, e este chega a conclusão de que a garota está possuída pelo demônio. Ele solicita então a ajuda de um segundo sacerdote, especialista em exorcismo, para tentar livrar a menina desta terrível possessão.

O Bebê de Rosemary(1968), com Maurice Evans e Mia Farrow. Dirigido por Roman Polanski.

Sinopse: Rosemary e seu marido mudam-se para um novo apartamento em Nova York, onde passam a conhecer um casal de idosos que mora logo ao lado. Esse casal possui modos de agir, e logo invade a privacidade de Rosemary de forma que começa a incomodá-la. Algo há por trás disso tudo e Rosemay, grávida, começa a desconfiar das pessoas, querendo proteger seu futuro filho.

Sexta-Feira 13(1980 e 2009), respectivamente com, Harry Cosb e Betsy Palmer. Dirigido por Sean S. Cunnigan. A refilmagem é com Jared Padaleki e Danielle Panabaker. Dirigido por Marcus Nispel.

Sinopse: Em 1957, o garoto Jason morreu afogado num acampamento em Crystal Lake. No ano seguinte, dois adolescentes (que deveriam ter cuidado de Jason) foram assassinados, mas o culpado não foi descoberto. O acampamento foi fechado e agora, muitos anos depois, é reaberto. Os moradores da região ainda não esqueceram a tragédia e aconselham os monitores do acampamento a ir embora. Eles ficam e, um a um, vão sendo assassinados de forma brutal, pois um misterioso assassino quer impedir que o lugar seja reaberto. O porquê só será revelado para a última vítima.

créditos as sinopses ao site cinema com rapadura.

Ai estão as minhas dicas, espero que gostem!